Yattó - Economia Circular
- BLOG YATTÓ

Reciclando um mundo melhor para os pets com a MARS

Já imaginou reciclar o pacote de ração do seu pet de estimação? É isso que a MARS buscou ao entrar em contato com a Yattó. Desde 2022 somos parceiros oficiais da marca ao reciclar embalagens flexíveis. Conheça um pouco mais do nosso desafio.

O desafio

Estruturar uma cadeia de reciclagem de resíduos pós-consumo para o portfólio de produtos PET da marca faz parte do compromisso com a sustentabilidade, denominado “Planeta Sustentável”. Um dos atributos dessa iniciativa é colocar as Embalagens Sustentáveis no centro de todos os produtos Mars, com o objetivo de utilizar embalagens 100% recicláveis até 2025. Além disso, a marca incentiva o descarte correto pelos consumidores e visa transformar a infraestrutura de reciclagem, desenvolvendo uma instalação de triagem de plástico que permitirá a reciclagem adequada de mais de 90% do plástico pós-consumo.

Adicionalmente, a marca visa escalar projetos de inovação para beneficiar a sociedade com as embalagens recicladas.

Ao longo da parceria, a marca escolheu criar alguns projetos de impacto para a sociedade para mostrar seu compromisso com a economia circular. Confira:

Parque PET sustentável

Em abril de 2024, a MARS lançou o Primeiro Parque PET produzido 100% a partir de embalagens recicladas na cidade de Mogi Mirim, em São Paulo. Essa iniciativa teve como objetivo oferecer diversão para os animais de estimação da comunidade e demonstrar o compromisso da marca com a sustentabilidade por meio do programa Better Cities for Pets, que promove a convivência harmoniosa entre pessoas e pets, tornando as cidades mais acolhedoras.

Além de ser um espaço recreativo para os pets, o parque é um exemplo de economia circular, com todos os brinquedos e estruturas construídos a partir de embalagens flexíveis recicladas (embalagens de ração, salgadinho, chocolate  etc.), coletadas em cooperativas e transformadas em brinquedos a partir de chapas ecológicas. 

Outro aspecto interessante é que o parque possui um QR Code com informações detalhadas sobre a transformação dos brinquedos. Isso evidencia a missão da Yattó de tornar os resíduos reciclados rastreáveis, permitindo que os consumidores conheçam todo o processo e a origem das embalagens usadas.

Resultados

  • 18 mil embalagens flexíveis transformadas
  • Repercussão midiática em portais como Conecta Verde
  • Exposição da marca na comunidade e aliança com a prefeitura local

 

Casinhas PET personalizadas

Transformamos 4.500 embalagens flexíveis em casinhas PETS, depois pedimos para a ilustradora Lexi (@oimedesenha) pintar as casinhas feitas de embalagens recicladas para a MARS, em parceria com a Yattó e o resultado ficou incrível! Posteriormente, leiloamos essas casinhas e todo o valor arrecadado com essa ação foi doado para ONGs em prol do cuidado de cães e gatos de rua.

Resultados

  • 4.500 embalagens plásticas desviadas de aterros sanitários
  • Mostramos a comunidade que o “lixo” não deve ser visto como desperdício, mas sim uma matéria-prima apta a ser reciclada e transformada 
  • O projeto ganhou muita visibilidade nas redes sociais com mais de 7 mil views, 145 comentários e 30 compartilhamentos.

Resultados gerais

Ao aderir ao Programa Yattó Transforma, a MARS minimizou o impacto ambiental, evitando que embalagens fossem parar em aterros sanitários desde o início da parceria, entre novembro de 2022 e julho de 2023. Com isso, conseguimos:

  • 200 toneladas de embalagens recicladas
  • Evitar a extração de 2,1 toneladas de petróleo.
  • Economizar 1,2 milhões de kWh de energia elétrica.
  • Impedir que 397 milhões de métris cúbicos de aterros sanitários fossem ocupados por embalagens flexíveis da marcas

E quanto seriam 200 toneladas de embalagens recicladas? Para entendermos esse número, seria o equivalente a 9 milhões de embalagens whiskas. Legal, né?

Impacto Social

  • É legal saber: A Yattó valoriza a cadeia de reciclagem; por isso, realiza a compra dos resíduos para os projetos de economia circular para gerar renda extra para as cooperativas de reciclagem e seus catadores. Essa renda é utilizada conforme a necessidade da cooperativa, podendo ser um acréscimo no salário de cada catador, assim como auxílio no custo da infraestrutura (aluguel, equipamentos, contas etc). O valor sempre é gerenciado pela própria cooperativa de reciclagem.
  • R$ 738,724 foram gerados em renda extra para as cooperativas de catadores, somando os anos de 2022 e 2023.
  • Impactamos positivamente 44 cooperativas e 763 cooperados.
  • Parceria e presença em cinco estados (SP, MG, ES, PR, SC) e + de 30 municípios.
 

Gostou? Quer fazer como a MARS e tornar o seu portfólio de produtos mais circular?

Deseja saber mais sobre os serviços da Yattó? 
Compartilhe
Comunicação Yattó
Gabrielle Maia
Assessoria de Imprensa
Ecomunica